O QUE ANDAM FALANDO...

Jason Deere
Record producer
Songwriter / Musician
Nashville -TN

"Lampadinha é um profissional em todos os sentidos, o cara é rápido nas teclas e suas idéias são sempre brilhantes trabalhando com todo artista"

jason.png

Eric Silver
Record producer
Songwriter
Musician
Nashville -TN

"Nós somos amigos há um bom tempo e temos trabalhado juntos também. O Lampadinha é um dos poucos caras que sabe como funciona uma sessão de gravação em estúdio, e sabe como ninguém pilotar uma console de mixagem. Nós trabalhamos em vários grandes projetos em várias ocasiões, e o "Lamps" sempre me fez ficar confortável em todas elas. E o mais importante: ele sempre se preocupa para que o trabalho seja bem feito, o trabalho dele, e de todos que estão ao seu redor. Isso não tem preço"
 


Paulo Miklos
Titãs

"Todo artista é Lampadinha. Afinal, voltar ao mesmo assunto, exigente, cuidando de detalhes aparentemente irrelevantes, guiado pela sua sensibilidade em vez de simplesmente seguir os manuais, desafiando o padrão com curiosidade incansável e determinação para experimentar sempre, criando ao longo do tempo, uma personalidade, um traço pessoal, uma excelência fundada na vivência do confronto diário com questões estéticas que para os outros são apenas procedimentos técnicos. Esse é o Lampadinha que eu conheço, um artista! É uma honra contar com a tua assinatura no nosso trabalho, Mestre Lampa"

 

Lucas Silveira
Fresno

"O Lampadinha é uma pessoa extremamente cuidadosa e apaixonada pelo que faz. Trabalhar com ele é um puta aprendizado e uma experiência de estúdio muito produtiva, além de muito bem humorada. E isso é uma coisa que pouca gente se dá conta, o bom humor é das coisas mais importantes durante um trabalho"


Maurício Paolone
Recording engineer / Fox Networks / Los Angeles - CA

"Lampadinha é um verdadeiro profissional em todos os sentidos. Com sua habilidade técnica de alto nível, ele traz muita experiência e conhecimentos técnicos aos ouvidos de um músico para que cada projeto soe como deve soar ... e possa ser sentido como deve ser.
Sempre com uma atitude positiva Lampadinha é cara divertido e é sempre um prazer trabalhar com ele"


Henrique do Valle
Director/Owner Powertracks Production

"Seu profissionalismo e conhecimento em produções de áudio e vídeo são excelentes. Sua ética de trabalho e sua paixão por sua profissão são contagiosas. Lampadinha é um vencedor do nossos tempos, seus Grammys são apenas provas de sua dedicação e determinação"


Brendan Duffey
Producer/Engineer Norcal Studios
Davis - CA

"Lampadinha tem um currículo que se parece mais com um livro tipo "how to reach the success in the music business".
Milhões de discos vendidos, vários Grammys, envolvimento com alguns dos mais lendários álbuns brasileiros dos últimos 30 anos, e uma lista que poderia continuar e continuar... Estes resultados vêm não só de seu profissionalismo impecável, mas também por causa do fato x, Lampadinha é um indivíduo incrível. Foi com seu nome peculiar, grande atitude e um coração enorme que ele se tornou o cara com quem todo mundo quer trabalhar. Ao meu ver, tudo isso contribui para que o Lampadinha seja uma lenda viva no mundo de música"


Gee Rocha
NxZero

"Eu me lembro bem na época em que o NxZero era uma banda independente, e sempre que a gente entrava em estúdio às nossas custas, a gente não sabia direito o que era gravar direito um CD, e no final a gente sempre acabava cometendo muitos erros. Sabe por quê? Porque naquela época a gente não tinha um "Lampadinha". É a cara do Lampadinha não deixar passar se quer um único erro de riff de guitarra! Também me recordo do primeiro disco pela Arsenal/Universal Music, que ao mesmo tempo que ele não deixava passar um erro na gravação, ele também deixava a gente muito seguro do nosso trabalho! Trabalhar com Lampadinha é muito astral, a gente aprende muito com ele, e o mais legal de tudo, o cara é humilde que dá raiva :)! Lembro também que qualquer dúvida que eu tinha, particularmente me interesso muito pelo lado técnico, ali sempre estava ele pra me esclarecer as dúvidas, sempre ajudando nos mínimos detalhes, e o mais incrível, eu entendia rs!!! Bom, você sempre vai encontrar ele com aquela blusa menor que a camiseta rs, mas é uma pessoa que faz parte do resultado NxZero =) Obrigado por tudo Lampadinha, desculpa se eu escrevi demais, mas eu agradeço por tudo que você faz pelo NX, e por esse grande profissional que você é! Um grande Abraço"


Tony Bellotto
Titãs

"Uma figura plácida, que parece estar sempre num estágio avançado de meditação transcendental. Com um visual de guru tibetano – ou de personagem de graphic novel do Robert Crumb – Lampadinha é um desses caras que nunca passam despercebidos. A um contato mais íntimo, começa a se perceber nuances de ironia em seu sorriso zen. Se o visitante tiver a honra de trabalhar com ele, descobrirá ainda mais coisas a respeito do instigante personagem: doçura, simpatia, alegria de viver (coisa rara nesses dias cinzentos que vivemos) e, principalmente, uma tremenda competência.
Não se engane o desavisado visitante pela aparência "beatnik" do Lampadinha, ele é um dos melhores e mais competentes produtores e engenheiros de som de que se tem notícia. Trabalhei com ele, e sei do que falo. Dentro do tranquilo guru vive um roqueiro errante, pronto a explodir numa fúria de decibéis desgovernados. Esse é o Lampadinha, Lamp para os íntimos. Nós, dos Titãs, gostamos tanto dele, que programamos sua voz na introdução de várias músicas. Nos shows, é o Lamp quem nos sussurra aos ouvidos, antes de tocarmos uma canção: um, dois, três..."  


Arnaldo Sacomani
Produtor Musical

"Trabalhar com o Lampadinha é antes de tudo aprender. Por mais experiência que eu tenha, a visão profissional e musical do cara me deixa surpreso e seguro. Acho que foram mais de 20 trabalhos que fizemos juntos e foi só alegria e sucesso"


Luiz Fernando Vieira
Agência África
Banda República

“Além de ser "O" produtor musical, "O" engenheiro de gravação, mixagem, masterização, etc... O Lampadinha é  uma marca. Sim, uma marca de garantia de qualidade em tudo o que faz.
E isso é um diferencial que poucos conseguem... Grandes artistas mundiais conseguiram alcançar esse status pois conseguiram se transformar em grandes marcas. E isso é fundamental além do talento musical. Quantas bandas teriam talento musical para atingir o ápice como Kiss, Rolling Stones, Metallica, U2 ou AC/DC? Talvez muitas poderiam ter chegado lá... Mas não conseguiram criar sua identidade própria, seu posicionamento, enfim, não conseguiram construir suas marcas. Representar muito para as pessoas, apenas por verem seus nomes, logos, símbolos.E o Lampa, conseguiu. Lampadinha hoje é uma marca. 
Uma marca de qualidade, profissionalismo e claro, muito sucesso...Sempre!

Lampa Rules !!!”


Paulo Anhaia
Produtor Musical

"Conhece alguém que sempre está por dentro de tudo que está acontecendo em termos de tecnologia e música? Eu conheço, ele se chama Lampadinha. Junte isso a um talento natural pra áudio e uma necessidade constante de renovação e terá um dos maiores profissionais da área no Brasil. E eu tenho o orgulho de tê­-lo como amigo e parceiro de trabalho nos últimos 18 anos"


Koala
Hateen

"Falar sobre um amigo sem parecer que está puxando saco é sempre difícil, mas falar sobre um amigo que tem a experiência, profissionalismo e conhecimento acima de qualquer outra pessoa do ramo que eu conheço, acaba sendo fácil. Pra mim o Lamps é "O" cara. Sabe tudo aquilo que faz a diferença no seu som? É ele quem sabe. Gravar com qualquer pessoa depois dele é triste e desolador para dizer o mínimo. Não conheço ninguém mais qualificado e competente no meio musical. No pessoal, é uma pessoa com quem a gente gosta de estar junto porque tem sempre uma boa piada, algo a acrescentar em conhecimento, uma dica, ou seja, estar perto do Lampadinha por si só já é um aprendizado. Espero ainda realizar muitos trabalhos com ele, e se puder, que sejam todos, pois, meu padrão de qualidade subiu muito depois que trabalhamos juntos. Não é a toa que ele é o responsável direta ou indiretamente pelo que tem de mais legal hoje na música nacional, em especial no Rock and Roll. Quem não conhece nunca vai entender o que eu escreví, mas garanto que vai ficar curioso pra conhecer. Desejo que todos possam ter a sorte que tenho de ter um amigo como ele, e que consiga beber metade das cervejas que ele bebe sem cair hehehe"


Ricardo Alexandre
Jornalista

“Há dois extremos muito perigosos no rock dos anos 2010. O primeiro diz respeito à irrelevância indie ou retrô, de falar pra dentro e recusar-se a dialogar com o mundo a sua volta. O outro extremo é o da superficialidade, jogar pra galera e apenas oferecer o que o adolescente quer (ou pensa que quer), quase como quem abre um restaurante ou loja de roupas. O trabalho que Lampadinha tem feito é perseguir o caminho mais difícil e mais recompensador, o que consegue se comunicar, chegar às ruas, sem abrir mão da informação e do olhar para o presente e para o futuro. Essa é a briga boa que ele tem brigado.”